PARÓQUIA DA LOURINHÃ
Transmissão em Directo: 16-02-2021

Terça-feira da semana VI

Verde – Ofício da féria.
Missa à escolha (cf. p. 19, n. 18).

L 1 Gen 6, 5-8 – 7, 1-5. 10; Sal 28 (29), 1 e 2. 3ac-4. 3b e9b-10
Ev Mc 8, 14-21

* Na Congregação da Paixão de Jesus Cristo –Oração de Jesus Cristo no Horto – MO
* Na Congregação dos Sacerdotesdo Coração de Jesus – Oração de Jesus Cristo no Horto – MF
* Na OrdemAgostiniana – B. Simão de Cássia, presbítero – MO
* Na Ordem de Cister – S. Pedro de Castelnau, monge e mártir – MF
* No Instituto Missionário da Consolata – B. José Allamano, presbítero, Fundador do Instituto – FESTA

Para o Terço do Santo Rosário



Ó Senhora minha, ó minha Mãe
Ó Senhora minha ó minha Mãe,
Eu me ofereço todo(a) a vós.
E, em prova da minha devoção para convosco,
Vos consagro, neste dia,
E para sempre,
os meus olhos, os meu ouvidos,
a minha boca, o meu coração e,
inteiramente, todo o meu ser:
e porque assim sou vosso(a),
Ó incomparável Mãe,
Guardai-me e defendei-me
Como coisa e propriedade vossa.
Lembrai-vos de que vos pertenço,
Terna Mãe, Senhora nossa;
Guardai-me e defendei-me
Como coisa própria vossa

À Vossa protecção nos acolhemos,
ó Santa Mãe de Deus;
não desprezeis as nossas súplicas
em nossas necessidades,
mas livrai-nos de todos os perigos,
ó Virgem gloriosa e bendita!


São Miguel Arcanjo, protegei-nos no combate,
defendei-nos com o vosso escudo
contra as armadilhas e ciladas do Demónio.
Deus o submeta, instantemente o pedimos;
e vós, Príncipe da milícia celeste,
pelo divino poder,
precipitai no inferno Satanás
e os outros espíritos malignos
que andam pelo mundo para perdição das almas.

Vésperas


℣.Deus, vinde em nosso auxílio.
℟.Senhor, socorrei-nos e salvai-nos.

℣.Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo
℟.Como era no princípio, agora e sempre. Amen. Aleluia

HINO

Alegre-se toda a Igreja,
Cante a glória de São Paulo,
Que, por súbito milagre,
Se fez arauto de Deus.

Guiado pelo amor de Cristo
Que o coração lhe queimava,
Dia e noite anunciava
O nome do Salvador.

Por um milagre da graça,
Subiu ao terceiro céu
E do céu trouxe o segredo
De pregar a boa Nova.

Anunciou aos gentios
A Palavra Salvadora,
Plantou, regou, alargou
A sementeira do Reino.

Foi lampadário das gentes
Que padeciam nas trevas,
Empunhando contra o erro
A clara luz da Verdade.

Louvemos agora e sempre
A Santíssima Trindade,
Para que um dia gozemos
As alegrias eternas.
 Ant. 1 Prefiro gloriar-me nas minhas fraquezas, para que habite em mim o poder de Cristo.

Salmo 115 (116 B)
Acção de graças no templo

Por Cristo ofereçamos sempre a Deus
um sacrifício de louvor (Hebr 13,15)


Confiei no Senhor, mesmo quando disse: *
«Sou um homem de todo infeliz».
Na minha perturbação exclamei: *
«É falsa toda a segurança dos homens».

Como agradecerei ao Senhor *
tudo quanto Ele me deu?
Elevarei o cálice da salvação, *
invocando o nome do Senhor.

Cumprirei as minhas promessas ao Senhor, *
na presença de todo o povo.
É preciosa aos olhos do Senhor *
a morte dos seus fiéis.

Senhor, sou vosso servo, filho da vossa serva: *
quebrastes as minhas cadeias.
Oferecer-Vos-ei um sacrifício de louvor, *
invocando, Senhor, o vosso nome.

Cumprirei as minhas promessas ao Senhor, *
na presença de todo o povo,
nos átrios da casa do Senhor, *
dentro dos teus muros, Jerusalém.

Ant. Prefiro gloriar-me nas minhas fraquezas, para que habite em mim o poder de Cristo.

Ant. 2 Eu plantei, Apolo regou, mas é Deus quem faz crescer.

Salmo 125 (126)
Alegria e esperança em Deus

Assim como sois participantes nos sofrimentos
assim o sereis também na consolação (2 Cor 1,7)


Quando o Senhor fez regressar os cativos de Sião, *
parecia-nos viver um sonho.
Da nossa boca brotavam expressões de alegria *
e de nossos lábios cânticos de júbilo.

Diziam então os pagãos: *
«O Senhor fez por eles grandes coisas».
Sim, grandes coisas fez por nós o Senhor, *
estamos exultantes de alegria.

Fazei regressar, Senhor, os nossos cativos, *
como as torrentes do deserto.
Os que semeiam em lágrimas *
recolhem com alegria.

À ida, vão a chorar, *
levando as sementes;
à volta, vêm a cantar, *
trazendo os molhos de espigas.

Ant. Eu plantei, Apolo regou, mas é Deus quem faz crescer.

Ant. 3 Para mim, viver é Cristo e morrer é lucro: toda a minha glória está na cruz de Nosso Senhor Jesus Cristo.

Cântico Ef 1, 3-10
O plano divino da salvação


Bendito seja Deus, *
Pai de Nosso Senhor Jesus Cristo,
que do alto do Céu nos abençoou, *
com todas as bênçãos espirituais em Cristo.

Ele nos escolheu, antes da criação do mundo, *
para sermos santos e irrepreensíveis,
em caridade, na sua presença.
Ele nos predestinou, de sua livre vontade, *
para sermos seus filhos adoptivos, por Jesus Cristo,

para que fosse enaltecida a glória da sua graça, *
com a qual nos favoreceu em seu amado Filho;
n’Ele temos a redenção, pelo seu Sangue, *
a remissão dos nossos pecados;

segundo a riqueza da sua graça, *
que Ele nos concedeu em abundância,
com plena sabedoria e inteligência, *
deu-nos a conhecer o mistério da sua vontade,

segundo o beneplácito que n’Ele de antemão estabelecera, *
para se realizar na plenitude dos tempos:
instaurar todas as coisas em Cristo, *
tudo o que há nos céus e na terra.

Ant. Para mim, viver é Cristo e morrer é lucro: toda a minha glória está na cruz de Nosso Senhor Jesus Cristo.

LEITURA BREVE 1 Cor 15, 9-10
Eu sou o menor dos Apóstolos e não sou digno do nome de Apóstolo, porque persegui a Igreja de Deus. Mas pela graça de Deus eu sou aquilo que sou, e a graça que Ele me deu não foi inútil. Pelo contrário, tenho trabalhado mais do que todos eles, não eu, mas a graça de Deus, que está comigo.

RESPONSÓRIO BREVE
℣. Eu Vos dou graças, Senhor, de todo o coração.
℟. Eu Vos dou graças, Senhor, de todo o coração.
℣. E glorificarei o vosso nome entre os povos.
℟. De todo o coração.
℣. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
℟. Eu Vos dou graças, Senhor, de todo o coração.

CÂNTICO EVANGÉLICO (Magnificat) Lc 1, 46-55

Ant. Apóstolo São Paulo, pregador da verdade e doutor das gentes, intercedei por nós diante de Deus que vos escolheu.

Cântico
A alegria da alma no Senhor


A minha alma glorifica ao Senhor *
e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador.

Porque pôs os olhos na humildade da sua serva: *
de hoje em diante me chamarão bem-aventurada
todas as gerações.
O Todo-Poderoso fez em mim maravilhas: *
Santo é o seu nome.

A sua misericórdia se estende de geração em geração *
sobre aqueles que O temem.
Manifestou o poder do seu braço *
e dispersou os soberbos.

Derrubou os poderosos de seus tronos *
e exaltou os humildes.
Aos famintos encheu de bens *
e aos ricos despediu de mãos vazias.

Acolheu a Israel, seu servo, *
lembrado da sua misericórdia,
como tinha prometido a nossos pais, *
a Abraão e à sua descendência para sempre.

Glória ao Pai e ao Filho
e ao Espírito Santo, *
como era no princípio,
agora e sempre. Amen.

Ant. Apóstolo São Paulo, pregador da verdade e doutor das gentes, intercedei por nós diante de Deus que vos escolheu.

PRECES

Edificados sobre o fundamento dos Apóstolos, oremos, irmãos, a Deus Pai todo-poderoso, dizendo:

Lembrai-Vos, Senhor, da vossa Igreja.

Vós quisestes, Pai santo, que o vosso Filho ressuscitado aparecesse em primeiro lugar aos Apóstolos:
fazei de nós suas testemunhas até aos confins da terra.

Vós que enviastes o vosso Filho ao mundo para evangelizar os pobres,
fazei que o Evangelho seja anunciado a todos os homens.

Vós que enviastes o vosso Filho a semear a palavra do reino,
concedei-nos que, semeando a palavra com o nosso trabalho, recolhamos com alegria os seus frutos de salvação.

Vós que enviastes o vosso Filho para reconciliar o mundo convosco, pelo seu Sangue,
fazei que todos colaboremos na reconciliação dos homens.

Vós que glorificastes Jesus Cristo à vossa direita,
admiti no reino da bem-aventurança os nossos irmãos defuntos.

Pai nosso

Oração

Senhor Deus, que instruístes o mundo inteiro com a palavra do apóstolo São Paulo, concedei a quantos celebramos hoje a sua conversão a graça de caminharmos para Vós, como ele, dando testemunho da vossa verdade no mundo. Por Nosso Senhor.

℣. O Senhor nos abençoe,
nos livre de todo o mal
e nos conduza à vida eterna.

℟. Amen.


Eucaristia


 Primeira Leitura
Act 22, 3-16

Levanta-te, recebe o baptismo e purifica-te dos teus pecados, invocando o seu nome


Leitura dos Actos dos Apóstolos

Naqueles dias, Paulo disse ao povo:
«Eu sou judeu e nasci em Tarso da Cilícia.
Fui, porém, educado nesta cidade de Jerusalém
e recebi na escola de Gamaliel
uma formação estritamente fiel à Lei dos nossos pais.
Era tão zeloso no serviço de Deus,
como vós todos sois hoje.
Persegui até à morte esta nova religião,
algemando e metendo na prisão homens e mulheres,
como podem testemunhar o Sumo Sacerdote e todo o Senado.
Recebi até, da parte deles,
cartas para os irmãos de Damasco
e para lá me dirigi,
com a missão de trazer algemados os que lá estivessem,
a fim de serem castigados em Jerusalém.
Sucedeu, porém, que, no caminho,
ao aproximar-me de Damasco, por volta do meio-dia,
de repente brilhou ao redor de mim
uma intensa luz vinda do Céu.
Caí por terra e ouvi uma voz que me dizia:
‘Saulo, Saulo, porque Me persegues?’.
Eu perguntei: ‘Quem és Tu, Senhor?’.
E Ele respondeu-me:
‘Eu sou Jesus Nazareno, a quem tu persegues’.
Os meus companheiros viram a luz,
mas não ouviram a voz que me falava.
Então perguntei: ‘Que hei-de fazer, Senhor?’.
E o Senhor disse-me:
‘Levanta-te e vai a Damasco;
lá te dirão tudo o que deves fazer’.
Como eu deixei de ver, por causa do esplendor daquela luz,
cheguei a Damasco guiado pelas mãos dos meus companheiros.
Entretanto, veio procurar-me certo Ananias,
homem piedoso segundo a Lei
e de boa fama entre todos os judeus que ali viviam.
Ele veio ao meu encontro
e, ao chegar junto de mim, disse-me:
‘Saulo, meu irmão, recupera a vista’.
E, no mesmo instante, pude vê-lo.
Ele acrescentou:
‘O Deus dos nossos pais destinou-te
para conheceres a sua vontade,
para veres o Justo e ouvires a voz da sua boca.
Tu serás sua testemunha diante de todos os homens,
acerca do que viste e ouviste.
Agora, porque esperas?
Levanta-te, recebe o baptismo
e purifica-te dos teus pecados, invocando o seu nome’».

Palavra do Senhor.

Salmo Responsorial
Salmo 116 (117), 1.2


Refrão : Ide por todo o mundo e anunciai o Evangelho. Repete-se

Ou: Aleluia.

Louvai o Senhor, todas as nações,
aclamai-O, todos os povos.
É firme a sua misericórdia para connosco,
a fidelidade do Senhor permanece para sempre. Refrão

Aclamação ao Evangelho
cf. Jo 15, 16


Refrão : Aleluia. Repete-se

Eu vos escolhi do mundo, para que vades e deis fruto
e o vosso fruto permaneça, diz o Senhor. Refrão

Evangelho
Mc 16, 15-18

«Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho»


Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Marcos

Naquele tempo,
Jesus apareceu aos Onze e disse-lhes:
«Ide por todo o mundo
e pregai o Evangelho a toda a criatura.
Quem acreditar e for baptizado será salvo;
mas quem não acreditar será condenado.
Eis os milagres que acompanharão os que acreditarem:
expulsarão os demónios em meu nome;
falarão novas línguas;
se pegarem em serpentes ou beberem veneno,
não sofrerão nenhum mal;
e quando impuserem as mãos sobre os doentes,
eles ficarão curados».

Palavra da salvação.